Header Ads

7 coisas que você faz, que ajudam a pornografia a te derrotar

 Por André Sanches

7 coisas que você faz, que ajudam a pornografia a te derrotar

(1) Você negligencia a vida com Deus

Quem tem problemas com pornografia não pode negligenciar sua comunhão com Deus. Sabemos que a pornografia vence quando a nossa carne, com todos os desejos humanos pecaminosos, vence o nosso espirito, ou seja, nossa vontade de fazer a vontade de Deus é vencida pelo nosso desejo de acessar a pornografia e ter certo prazer carnal. A pornografia sempre vai vencer aquele que negligencia sua vida com Deus. Sabemos que o que nos mantém espiritualmente fortes é a nossa comunhão com Deus, ou seja, oração, leitura da Bíblia, participação na obra, ajuda ao próximo, jejum, etc. Os nossos inimigos sabem disso e fazem de tudo para que não invistamos tempo nisso. Resultado? Com o passar dos dias enfraquecemos, temos vontades pecaminosas cada vez mais frequentes e caímos, bem conforme nos mostra Tiago: “Ao contrário, cada um é tentado pela sua própria cobiça, quando esta o atrai e seduz. Então, a cobiça, depois de haver concebido, dá à luz o pecado; e o pecado, uma vez consumado, gera a morte” (Tiago 1:14-15).

(2) Você achar que já está forte o suficiente


Quando Jesus foi tentado pelo diabo, vemos algo interessante registrado quando o diabo foi vencido: “Passadas que foram as tentações de toda sorte, apartou-se dele o diabo, até momento oportuno” (Lucas 4:13). Os nossos inimigos nunca se darão por vencidos. Eles ficarão à espreita para identificar o melhor momento para atacar novamente. Infelizmente, muitos são vencidos pela pornografia porque pensam que algumas vitórias que tiveram significa que já estão fortes o suficiente para não mais serem vencidos. Isso faz com que abaixem a guarda, que sejam mais relapsos nos cuidados que devem ter, na preparação diária para vencer a batalha. Resultado? São vencidos novamente mais cedo ou mais tarde. Aquele que tem problemas com pornografia deve saber que a luta é diária e que todos os dias deve acordar pronto para a batalha. Não fazer isso é pedir para cair diante do inimigo.

(3) Você aceita que “pequenas” pornografias adentrem sua mente


A nossa sociedade de hoje já aceita pequenas pornografias que nem são classificadas como pornografia (para eles), mas que são uma porta de entrada para quem tem problemas com pornografia. Por exemplo, vemos que até mesmo na tevê aberta, muita coisa é colocada ali com um status de normal, mas é uma espécie de pornografia. Mulheres com roupas minúsculas realizando danças eróticas, homens musculosos sem camisa, músicas de duplo sentido, etc. São pequenas pornografias que achamos ser inofensivas, mas que vão abrindo espaço em nossa mente e nos conduzindo a pornografias mais pesadas. Quem quer vencer essa prática precisa fechar a porta para esse tipo de estímulo que penetra a sua mente vagarosamente e vai abrindo espaço. Desligue a tevê nesses momentos, evite ouvir músicas de duplo sentido, saia de situação que infiltrem pequenas pornografias que parecem inofensivas em sua mente.

(4) Você não muda os hábitos

Todos que têm algum problema com pornografia afirmam categoricamente que caem diante dela quando certas condições estão favoráveis. Por exemplo, quando estão sozinhos em casa, quando estão sozinhos navegando na Internet, quando passam por situações de ansiedade e estresse, etc. Ou seja, são situações que facilitam muito a vitória da pornografia. Quem não muda seus hábitos e luta contra a pornografia com estratégias quase militares, está fadado a sempre perder para ela. Para vencer é preciso mudar os hábitos que são identificados como facilitadores para o pecado. Se você sempre é vencido pela pornografia quando está sozinho no quarto tarde da noite vendo tevê, precisa parar de fazer isso, fechar essa porta, senão sempre cairá.

(5) Você não reprograma os seus olhos


A principal porta de entrada da pornografia são os nossos olhos. Ou seja, é a maneira com que olhamos e como processamos na mente aquilo que olhamos. Quem quer derrotar esse pecado precisa reprogramar seus olhos. Eu explico: é preciso a realização de um esforço de olhar as coisas com uma ótica correta. Quase sempre, os vencidos pela pornografia têm uma visão errada de uma mulher e a mulher do homem. Uma visão apenas carnal, enxergando as outras pessoas como objetos. Enxergando tudo com malícia e com cunho sensual e sexual. Alguns homens, por exemplo, andam pelas ruas olhando toda e qualquer mulher e cultivando pensamentos maliciosos. Aceitar isso é pedir para ser derrotado pela pornografia. É preciso uma reprogramação, uma mudança racional contra esse tipo de pensamento. Enxergar as mulheres e homens na rua todos enxergam, mas dar a segunda olhada, aquela maliciosa, isso sim podemos evitar e combater. Reprograme seus olhos e pensamentos.

(6) Você acalma as suas dores com a pornografia

A pornografia associada com a masturbação é muito prazerosa. Muitas pessoas, impactadas pelas ansiedades do dia a dia, por situações difíceis que passam, por pressões que sofrem, acabam usando a pornografia e a masturbação como uma válvula de escape. É um momento de prazer para aliviar. Outras pessoas, por exemplo, já usam a comida para isso. Comem até não poder mais para aliviar suas dores. Isso tudo é prejudicial. É preciso aprender que podemos aliviar nossas dores de outras formas mais saudáveis. Quem tem problemas com pornografia precisa aprender a identificar isso em sua vida. Se estiver acontecendo, é bom tomar providências. Exemplo: Fazer exercícios ajuda muito a ter o mesmo tipo de prazer da masturbação e de comer doce, por exemplo. Troque a vontade de acessar pornografia por uma caminhada de trinta minutos ou comece a ir à academia. Lembre-se: se você não reprogramar sua vida e hábitos sempre vai perder essa guerra!

(7) Você não dificulta o seu acesso à pornografia

Ninguém que acessa pornografia gosta de acessá-la na frente dos outros, de forma aberta. O acesso geralmente é feito com certa intimidade. Daí a necessidade de dificultar esse acesso. Hoje, com a facilidade de termos um celular, tablet ou notebook com acesso à Internet e o levarmos para qualquer lugar, muitos tem caído diante da pornografia. Por isso, para vencer é preciso dificultar o acesso a ela. Coloque senhas de bloqueio em seus aparelhos. Exclua grupos e pessoas que só postam assuntos relacionados a sensualidade e sexualidade. Dificulte ao máximo, pois em seus momentos de fraqueza, certamente, essas dificuldades de acesso irão te ajudar a pensar melhor sobre o erro que está cometendo, te dando tempo de resistir e vencer.

Um comentário:

  1. Tudo isso é verdade. Eu ja cai por cada um desses motivos. Muitas vezes subestimei o inimigo ou superestimei a mim mesmo, em vez de confiar em Deus.

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.