Header Ads

Estratégia de evangelismo - Mutirão Missionário

Esta é uma estratégia  que gosto muito de desenvolver, além de ter uma resposta impressionante!

Chamamos de mutirão missionário uma atividade de ação social e limpeza.

Objetivo:

Todo o objetivo principal do evangelismo criativo é ganhar vidas para Cristo, mas existem algumas ações que, aparentemente, têm outro objetivo. No caso do mutirão missionário, parece apenas um mutirão de limpeza, mas acompanhe-me na explicação e irá entender melhor como tudo funciona...

Material necessário:

Vasssouras, pás, enxadas, luvas plásticas, sacos de lixo, cal (para pintar o meio fio), brocha e, se for possível, máquinas de aparar grama e tesoura para aparar grama. Geralmente, não temos a máquina para aparar grama, mas o trabalho funciona ainda assim!

Como funciona?

- Escolha uma rua próximo à Igreja para realizar o mutirão missionário;
- Selecione algumas pessoas para compor a equipe de pesquisa;
- Realizamos sempre num sábado, das 08:00 às 17:00hs.

A função da equipe de pesquisa, é ir em cada casa da rua escolhida e fazer uma pesquisa rápida.
Prepare um formulário muito simples contendo: Nome, endereço, a pergunta “quantas pessoas moram na casa?”, e um espaço para marcar se a pessoa autorizou sua equipe a limpar a frente de sua casa.

Abordagem da equipe de pesquisa:

“Bom dia, meu nome é ___________, e somos da Igreja ___________. Hoje estamos realizando um trabalho de limpeza aqui na rua e vamos capinar a frente das casas, pintar o meio fio de toda a rua e tirar o lixo de toda a rua. Você autoriza que limpemos a frente da sua casa?”

Não esqueça de falar que todo esse trabalho será gratuito!

Logo depois de pegar a autorização do morador, faça as perguntas do formulário, preencha e termine essa parte.

Já tivemos casos em que a pessoa não autorizou a limpeza. Em um caso especial, a pessoa não autorizou e no final do dia, ao ver toda a rua linda e limpa, pediu que limpássemos sua frente de casa e, imediatamente, fizemos.
Num outro caso, era um Centro espírita que não autorizou de forma alguma. Então desenvolvemos o trabalho apenas onde fomos autorizados a fazer.

Após todas as autorizações concedidas, mãos à obra!

Separe o momento de limpeza em equipes:
- Equipe que vai capinar;
- Equipe que vai varrer;
- Equipe que vai pintar meio fio e postes com o cal branco (lembrando que os postes são pintados até, aproximadamente, um metro e meio apenas);
- Equipe pra fazer uma comida para todos (Geralmente, fazemos macarrão com carne moída, pois é rápido e prático).

A ordem de atuação é justamente essa: Capinar, varrer e recolher o lixo, pintar meio fio e postes.

Existem casos em que os moradores pedem para que façamos um serviço a mais.
Eu mesmo já tive que mover pedras de obra, que estavam parte na rua e parte na calçada, totalmente para cima da calçada.

Esse trabalho faz com que a comunidade passe a ver a Igreja com outros olhos. Ficam surpresos ao ver a Igreja fazendo algo gratuito para eles. Isso cria uma boa imagem da Igreja na comunidade onde está plantada.

E o trabalho continua até as 17:00hs.
Na primeira vez que fizemos, foram necessários dois sábados para realizar o trabalho, pois selecionamos duas ruas para fazer o mutirão. Porém, na maioria das vezes, o mutirão é feito em apenas uma rua.

O  trabalho precisa ser realizado com muito carinho, pois no final precisa ser visto  pela comunidade como muito bem feito!

Importante lembrar de registrar fotografias da rua antes e depois do mutirão, e também fotos de todos os momentos para depois publicar em redes sociais e na própria Igreja. Sempre selecionamos lugares e calçadas mais sujas para fazer algumas fotos “antes e depois”. É interessante fazer uma montagem com as fotos e postar.

É surpreendente como os moradores, o tempo inteiro, nos oferece água, refrigerante, bolo e até chocolate eu já ganhei.

Hoje passo nessas ruas e os moradores fazem questão de me dar bom dia, pois nos fizemos conhecidos naquela rua.

Ao final de todo um dia de trabalho árduo, a equipe de pesquisa volta às casas e agradece por nos deixar desenvolver o trabalho na rua e dizer os dias de culto da Igreja (É bom que sejam as mesmas pessoas que pediram a autorização inicialmente).

Um fato muito interessante que aconteceu conosco, numa das vezes que fizemos o mutirão, foi que um senhor da vizinhança, que nunca havia entrado na Igreja, foi no culto de domingo, logo após limparmos a rua, e pediu ao pastor para falar algo para a Igreja no microfone. Ele entrou e foi à frente e pediu o microfone ao pastor, e isso no meio do culto. Ele foi para agradecer a Igreja pelo lindo trabalho que havia prestado a comunidade. Segundo ele, nunca viu uma Igreja fazer algo daquela forma.

Quer conhecer mais 11 estratégias de Evangelismo Criativo?
Adquira já o E-book completo...

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.